• Gicult Mídia Notícias Facebook
  • Gicult Mídia Notícias Twitter
  • Gicult Mídia Notícias Youtube
  • Gicult Mídia Notícias Rss Feeds

ONDE ESTOU | Notícias | Dilma anuncia criação de órgão para fiscalizar gestão de clubes

Dilma anuncia criação de órgão para fiscalizar gestão de clubes

20 de Janeiro de 2016

Noticia 5359
Dilma apoia fortalecimento do futebol e cria entidade para acompanhar a governança dos clubes. Foto: vermelho

Em cerimônia no Palácio do Planalto, a presidenta Dilma Rousseff anunciou nesta terça-feira (19) a criação da Autoridade Pública de Governança do Futebol, órgão responsável por fiscalizar as entidades esportivas no país. Durante a cerimônia também foram assinados os contratos de patrocínio entre a Caixa Econômica Federal e dez clubes de futebol, no valor de R$ 83 milhões.


“Nós assinaremos hoje o decreto que criará a Autoridade Pública de Governança do Futebol. Essa autoridade contará com a participação paritária de atletas, dirigentes, treinadores, árbitros e será a instância fiscalizadora do Profut, garantindo a efetiva modernização da gestão dos clubes de futebol”, disse Dilma.


O objetivo do novo órgão é fiscalizar o cumprimento, pelos clubes, das contrapartidas previstas na MP do Futebol, que garantiu o refinanciamento de dívidas dos clubes com o governo federal, estimadas em R$ 5 bilhões.


Com a MP foi criado o Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro (Profut), em que os times interessados em renegociar sua dívida podem se inscrever, tendo como requisito o cumprimento de uma série de exigências de responsabilidade fiscal.


Para se beneficiar com o programa, os clubes inscritos deverão pagar em dia as contribuições previdenciárias, trabalhistas e contratuais, incluindo direito de imagem; devem ter um gasto máximo 70% da receita bruta com o futebol profissional; e manutenção de investimentos mínimos e permanentes nas categorias de base e no futebol feminino.


“Assim, acompanharemos com interesse, rigor e transparência as contrapartidas assumidas pelos clubes. […] Isso marca o início da maior reforma já vivenciada pelo futebol e tenho certeza que iremos adiante”, enfatizou a presidenta.


Sobre o patrocínio da Caixa Econômica Federal, dez clubes fecharam contrato, sendo que oito tiveram os patrocínios renovados e dois contratos são novos: do Cruzeiro e do Atlético Mineiro. Os patrocínios foram publicados na edição desta terça-feira do Diário Oficial da União.


O Flamengo recebe o maior valor: R$ 25 milhões. Em seguida, vêm o Cruzeiro e o Atlético Mineiro, com R$ 12,5 milhões cada. O Sport do Recife, o Coritiba, o Atlético Paranaense, o Vitória da Bahia recebem R$ 6 milhões cada. O Chapecoense e o Figueirense ficam com R$ 4 milhões cada e o CRB de Alagoas, R$ 1 milhão. Os contratos assinados têm vigência até 31 de dezembro deste ano.


“Com os recursos obtidos, tenho certeza de que vão trabalhar para garantir a qualidade do nosso futebol. Como mineira, vejo com satisfação que os dois maiores clubes de Minas Gerais entraram nesse grupo. Dou as boas-vindas ao Cruzeiro e ao meu querido Atlético, que passam a contar a partir deste ano com patrocínio da Caixa.”


Segundo a presidenta, o apoio da Caixa ao futebol em 2016 irá além desses contratos. “Estão previstas ainda a renovação do contrato do Corinthians e as negociações com o Atlético de Goiás e o Vasco. Estão previstos também o patrocínio à Copa do Nordeste, à Copa Verde, às séries B e C do Campeonato Brasileiro, ao Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino e ao Torneio Internacional de Futebol Feminino”, afirmou Dilma.


 


Fonte:  Portal Vermelho com informações da Agência Brasil e G1

comentários | Comente! Opine! Participe!Notícia

Seu comentário irá para moderação e logo após será liberado do site.
Os comentários publicados abaixo não expressam, necessariamente, a opinião do Portal Gicult e são de total responsabilidade dos autores.